quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Dos inferninhos e daquela casa..

Foi no mês de Julho, dois anos atrás. Me lembro que naquela época bissexualidade estava na moda. Meninos e meninas beijavam bocas do mesmo sexo. Se tocavam. Eu só pude me aproveitar de todas as meninas e meninos que passavam pela minha mão, pela minha língua e por meus pêlos.
Eram corpos descartáveis.. pessoas que não tinham a menor inteligência. Tudo bem, porque eu queria mais é que todos se fodessem, o que me interessava eram suas cuecas e calcinhas. Pelos inferninhos e cantos escuros todos se pegavam. Mordia lábios, machucava a cintura e pressionava meu pau contra suas coxas.
Enfim.. no meio dessa 'moda' toda, um dia encontro o meu vizinho. Em Julho, então, saímos com uns amigos em comum para o centro da cidade - aquela zueira idiota de beber vinho barato, cerveja, uns pegas pelas esquinas. Mas naquele dia ele iria conhecer um outro lado disso tudo. Encontrei com o cara que me apresentou o traficante - que na época eu tinha catorze anos - e nós iríamos para a festa de aniversário dele.
Antes de chegarmos lá, nos compramos cocaína e mais umas cervejas - trinta latas. Chegando lá, drogas e bebidas em cima da mesa. Belíssimos garotos de programa desfilavam por lá. Um sobrado com uma bela piscina, vários carros caros na garagem, um jardim. Confesso que um me chamou a atenção, era um loiro alto, forte, barba por fazer, chapéu de cowboy.. mas ele estava com o dono da festa, e por mais que eu tivesse intimidade com ele, não ousaria atravessar seu caminho. Mesmo estando lá por própria vontade, eu queria muito que alguém me tirasse de lá. Numa mesa no canto, um homem - visivelmente drogado - falava bobagens pra todo mundo, ameaçava sacar a arma. Eu precisava que alguém me tirasse de lá o mais rápido possível. Dentro do sobrado uma mulher fumava maconha e assistia televisão enquanto algumas pessoas se pegavam no sofá ao meu lado. Precisava sair de lá. Não lembro em que momento eu saí, nem se algo relevante aconteceu. Só sei que só fui relaxar quando eu estava em casa, na minha cama.. pra onde eu poderia não ter voltado.



UPDATE:
Isso foi a dois anos atrás, e foi a última vez que o vi. Hoje em dia meu contato com esse tipo de gente é bem restrito. A falta de detalhes nesse texto se deve ao fato do meu excessivo uso de álcool e drogas na época, fazendo com que alguns detalhes me fugissem a mente.
Dia 17 vou para São Paulo - Capital, ficarei uma semana. Baladas, Bares e Show da Madonna. Sábado, dia 20, estarei na The Week.

43 comentários:

O amor e etc. disse...

Um ambiente realmente muito estressante. Nunca teria coragem de me aproximar de um local como esse, de pessoas como essas, posso imaginar o desconforto que sentiu durante o tempo que permaneceu por lá,deve ser bem emocionante, mas eu sou um pouco covarde. '')

André disse...

literalmente: voce é muito foda. que baita peça de teatro. parabens.
www.blogdaincerteza.blogspot.com
www.benzineandmorfine.blogspot.com

greatdj disse...

Tem lugares que não compensa ficar.
É melhor dizer que alguém precisa de você em casa e ir embora.
Não gosto do ambiente citado.

verossimel disse...

adoro seus post, sao sempre fortes com imagens e palavras polemicas, parabens

Bodão! disse...

sexo e violencia fazem sucesso! humm, bem polemico essa ideia de (co-)volencia

risadas disse...

caramba bem polemico heim

Rosangela A. Santos disse...

Eu particulamente acho essa modinha que vc falou muito besta, meninos e meninas que fazem esse tipo de coisa pra ficar em um "grupo" pra dizer que são diferentes..

Ou vc é ou não é, apesar que tem a curiosidade de saber como é se vai gostar .. tem certa idade que pinta isso pra muitos pessoas...
mas fazer pra ficar em uma turminha .. ai que saco viu!!! kkkkkkkk


Não poderia esperar boa coisa indo a casa de um traficante e ainda mais sendo aniv... já era de se imaginar que a festa seria regada a drogas bebidas e sexo casul..e claro o risco de algo ruim podesse acontecer a qualquer momento. Mas as vezes a gente parece que não pensa, parece que tudo é festa e nada de ruim vai nos acontecer... não se pode esperar nada de bom de uma pessoa no estado que vc comentou, tem pessoas que ficam agrecivas, safadas e sei lá mais oq .. por conta da bebida e outras coisas.. mas ainda bem que vc chegou na sua casa sã e salvo..
vc da muito trabalho pr seu anjo da guarda hem?? kkkkkkkkkkkk

Bjs.. e pare com essas festinhas com traficantes hem?? kkkkkkkkk brincadeira, quem sou pra falar oq fazer ou não fazer ...

Laerson Cruz disse...

Muito bom com lidas com as palavras, os detalhes, a ordem em que os fatos acontecem.

Historia ou Estoria...

Vivi Diniz disse...

nossa! a gente se mete em tudo nessa vida.. mas vc foi um bucado mais longe... juro q fiquei com os olhos meio arregalados quando vc falou do drogado que estava ameaçando... e aquela foto nao ajudou muito nao sabe... mas vc escreve muito bem!! so faltou mais detalhes do final! xD parabens pelo blog.. se puder passa no meu.. beeijos byy

VINCENZO GONZAGA disse...

ótimo.
forte abraço

Bala disse...

Aaaaaaaaiiiiiiii...não gosto de sangue.

Obrigada pelo elogio. Seu blog é inovador.

Gisela Melloso disse...

Inacreditável sua capacidade, criatividade e coragem ao escrever, meus parabéns!!!

Abraço

Ana Gabi disse...

Foda seu blog, li o título e me interessei em espiar, achei sugestivo, hehe!

Eu já fui parar em alguns lugares quando era adolescente também, epoca de zoeira, solteirice e pegação também. Pq saia em turma e a galera resolve na hora qual é a boa da noite, né?
As vezes chegava e a boa era uma grande furada e pra ir embora era complicado, viu?!

Mas minha fase heavy durou pouco tempo, passado a rebeldia da fase adolescente vi que não tem nada a ver comigo certas doideiras.
Agora só baladinha básica, hehe!

beijão!

verossimel disse...

ops, passando pra marcar presença ja havia comentado por aq

VINCENZO GONZAGA disse...

Olá
Minha mae é psicóloga sim!
Abração

Bubbles disse...

Hi honey,

Adorei teu blog!!
Vou adiciona-lo a minha lista!
Beijos

nalinhadefundo disse...

Po, eu acho que nunca teria coragem de me aproximas de um local assim, sei la, arranja uma desculpa e diz que nao pode fikar
;P

asiuodhasihd

vlw abraços..

http://nalinhadefundo.blogspot.com/

. lú disse...

você tem um jeito legal de escrever, dá pra imaginar a cena..

hahahaha
fiquei imaginando o desfecho da história..

tenho um colega que numa dessas acabou traçando uma cabra rs

Rosangela A. Santos disse...

uuuhhh, vai está em SP!!

que inveja, eu adoraria ir no show da Madonna... depois me conta como foi?? srsrsrs

Bjs ...

Cadinho RoCo disse...

Pegar pesado assim não é legal.
Cadinho RoCo

mateusbonez disse...

UAU, amei sua história e adorei seo blog ;p.

http://tiomah.blogspot.com/

Fabio Thiago disse...

muito polemico!
abraço

TIAGÃO disse...

porra, uma história bem cabulosa!!!!
bem forte o texto tb, legal!

Daniel disse...

Oi Eduardo,
Gostei do blog.
Beijos de Londres
Dan
www.sembolso.blogspot.com

Pedro disse...

Rapaz, como é que tu ainda estás vivo?

Mas tens falado principalmente do passado e fico com a ideia que agora reduziste a velocidade.

Abraço e orienta-te.

Conquistadores disse...

Ambiante mais do que restrito para mim...

Desde pequeno nunca quis e gostei desse tipo de ambiente, já conheci e conheço amigos que frequentam, mais quero distancia disso.

Espero que não tenha acontecido algo de ruim com voce em tal lugar, que tenha chegado na sua casa de modo "pacifico" e continue restringindo esse tipo de ambiente.

Abraços...

The Revolutions disse...

É. o_o' Que post digamos que assustador. :D Acho que não teria coragem de aproximar de um local exatamente como esses.

Luã Almeida disse...

Forte.
Realmente é complicada e delicada a situação nesse caso, você tem que decidir, se quer diversão ou segurança. E pra quem escolhe a segurança, quase sempre descobre outros meios de se divertir depois

Deka disse...

Você escreve muito bem.
Obrigada pela visita.

Janaína Moraes disse...

Adoro passar por aqui e ler seus belos e inebriantes textos.
Tem selo pra vc lá no Estórias, passa lá.

-tamy disse...

Tu escreve muito bem. Gostei pra caramba do teu blog. É estranho quando estamos fazendo o que temos vontade, e, de repente, tudo o que queremos é simplesmente não estar ali, não fazendo isso.
Mas acho que no fim sempre compensa, com uma lição, com um pensamento mais maduro.

A'ZaF disse...

cara, é mto talento...

curto o blog pacas...abraço

Leandro Merlllin disse...

"aquela zueira idiota de beber vinho barato, cerveja, uns pegas pelas esquinas"...

Bem, isso me apetece um pouco, já vivenciei muito desses momentos, embora eu fique restrito à bebidas e pegações... Nunca tive coragem de participar de eventos que envolvessem loucuras regradas à drogas...

Mas enfins, pelo menos um blog interessante de se ler, na medida do possível.

Abraços
Leandro merlllin
http://www.olhardesaldejack.blogspot.com/

Mikaella disse...

Adorei esse post. Li alguns dos anteriores, realmente adorei! Chocantes, fortes... verdadeiros.

Hernan Fernandez disse...

Mais um ano se foi e vamos rumo a 2009 para mais histórias. Quero lhe desejar um ano novo repleto de conquistas e realizações.
Nada melhor do que poder escrever a nossa própria história. E nós, leitores, sempre estaremos na torcida pelo melhor.
Beijos do Fê!

Leozin disse...

eu simplemente ameii seu blog
tudo que eu tenho vontade de contar e realmente tenho vergonha de me expressar
parabens o/

Janaína Moraes disse...

Olá.
Estou passando para dizer que o endereço do Estórias mudou.
Agora é: http://estoriasmediocres1.blogspot.com

Passe lá.

Feliz Ano Novo.

Lais Adelita disse...

Nossa muito muito muito legal aqui!!
adorei

http://cronicasdesafira.blogspot.com/

Oitentando disse...

Muito interessante a forma com que você lida com as palavras num texto forte e polêmico.Prende nossa atenção totalmente e nos faz imaginarmos a cena!!!

Quando puder me visite:
http://oitentando.blogspot.com/

Equipe Sx-GameX disse...

Adorei seu blog

obrigada pela visitinha visita de novo sempre que puder

http://sxgamex.blogspot.com/

Leo Pinheiro disse...

POIS É, TAÍ UM ASSUNTO DO QUAL EU DESCONHEÇO...

MAS COMO DIZEM POR AÍ: O IMPORTANTE É SER FELIZ!

Luciano Lemos disse...

É por isso que sou bem caseiro...

jheison disse...

Nussssss muito bom mesmo...
tu esta de parabens ^^

gostei muito do teu blog..

AHHHHHH uma dica... sei que seu blog é para maiores... mais vc poderia manerar nas imagens ^^

tipo, eu achei legal, mais o problema é q muitas pessoas podem ficar "constrangidas" ao abrir seu blog, se acoso estiverem no trabalho, em um lugar publico, ou ate em casa, fikei com medo de alguem entrar aqui no meu quarto e visse esta foto, naun pelo sangue é claro, mais por a parte intima do cara estar a mostra... assims endo pelo constrangimento das pessoas pela foto, seu blog deixa de ganhar visitas, ou as pessoas ate entram mais irao sair rapido, se ler seus textos...


grande abraço, kurti seu blog pra caramba, ja estou te acompanhando ^^
abraço